Centro Vianei de Educação Popular

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Projeto MISEREOR

Governador de SC assume compromissos com Conseas Nacional e Estadual

E-mail Imprimir
Avaliação do Usuário: / 1
PiorMelhor 
Na última quarta-feira (17), os presidentes do Conselho Nacional e Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea), Maria Emília Pacheco e Natal Magnanti, respectivamente, participaram de audiência com o governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo.
Última atualização em Qui, 29 de Novembro de 2012 21:38 Leia mais...
 

Santa Catarina cria Câmara Intersetorial e anuncia Lei Estadual

E-mail Imprimir
Avaliação do Usuário: / 1
PiorMelhor 
Florianópolis (SC) -Durante a solenidade de abertura da 4ª Conferência Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional de Santa Catarina na segunda-feira (22), o secretário de Assistência Social, Trabalho e Habitação, Serafim Venzon , representando o governador Raimundo Colombo, anunciou o envio da Lei Orgânica de Segurança Alimentar e Nutricional para a Assembléia Legislativa do Estado.
Última atualização em Sex, 16 de Setembro de 2011 15:19 Leia mais...
 

Mesa Redonda “Alimentação Adequada e Saudável: Direito de Todos”

E-mail Imprimir
Florianópolis (SC) - No segundo dia da 4ª Conferência Estadual de Santa Catarina, a conselheira Maria Emília Pacheco, do Conselho Nacional de Se urança Alimentar e Nutricional (Consea), presidiu a mesa redonda “Alimentação Adequada e Saudável: Direito de Todos”. Na ocasião, falou de assuntos como a produção agroecológica, agrotóxicos, transgênicos e a  regulamentação da publicidade de alimentos. “Terra não é apenas um lugar para produção de alimentos, mas lugar onde vivem pessoas; um lugar onde se reproduzem culturas e modos de vida”, disse a conselheira. Para ela, o desrespeito aos direitos patrimoniais e  territoriais de povos e comunidades tradicionais, bem como da população indígena, leva aos piores índices de insegurança alimentar entres essas populações.Maria Emília também informou a transição nutricional que o Brasil passa - ao mesmo tempo que se reduz o índice de desnutrição, aumenta o número de pessoas obesas ou com sobrepeso. A necessidade da regulamentação da publicidade de alimentos também ganhou destaque durante a discussão. Em sua exposição, a conselheira ainda alertou sobre os riscos que a sociedade sofre com o consumo de alimentos transgênicos. “A liberação dos transgênicos, além [de comprometer] a saúde, compromete a autonomia dos agricultores, que passam a ser dependentes das grandes empresas que dominam a cadeia de produção de alimentos”, afirmou . Maria Emília também chamou a atenção para as vantagens da produção agroecológica, entre elas, a variedade e diversidade dos alimentos, o cultivo de espécies, além da integração e preservação da natureza. “Agroecologia não é apenas uma ciência, mas também um momento social e que deve muito ao conhecimento dos povos indígenas e comunidades tradicionais”, disse a conselheira.Fonte: Ascom/Consea
Última atualização em Qua, 31 de Agosto de 2011 14:40
 

4ª Conferência Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional de Santa Catarina

E-mail Imprimir
Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 
Florianópolis (SC) - Começou na noite desta segunda-feira (22) a 4ª Conferência Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional de Santa Catarina. Entre as autoridades que formaram a mesa de abertura do evento, estavam a conselheira do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea), Maria Emília Pacheco, o representante da Câmara Interministerial de Segurança Alimentar e Nutricional (Caisan), Arnoldo Campos, e o presidente do Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea-SC), Natal Magnanti. Para a realização da 4ª Conferência Estadual foram mobilizadas mais de 4.130 pessoas nos municípios catarinenses, número celebrado pelo presidente do Consea-SC em seu discurso de abertura. Ele ressaltou também que este é o momento de firmar um compromisso efetivo para implantação do Sistema Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (Sisan). Representando o Consea Nacional, Maria Emília Pacheco destacou a importância de se realizar uma conferência com o lema "Alimentação Adequada e Saudável: Direito de todos". "O lema do encontro nos remete não só ao acesso, mas à qualidade dos alimentos. Com isso preservamos a cultura alimentar de cada região do nosso país. Porém, é um momento de atenção e responsabilidade", disse a conselheira, que lembrou o dever da sociedade de discutir sobre agrotóxicos e produtos transgênicos. O primeiro dia do encontro foi encerrado com a Tenda Josué de Castro, um espaço que narra a história e atuação do patrono do Consea. Fonte: Ascom/Consea
Última atualização em Qua, 31 de Agosto de 2011 14:43
 

PROGRAMAÇÃO IV CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL

E-mail Imprimir

PROGRAMAÇÃO IV CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL

Última atualização em Qua, 31 de Agosto de 2011 14:43 Leia mais...
 


Página 7 de 8