Centro Vianei de Educação Popular

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Projeto em Rede é aprovado pela Misereor da Alemanha

E-mail Imprimir
Avaliação do Usuário: / 0
PiorMelhor 
 Projeto em rede
No final de dezembro de 2015 a Misereor aprovou o projeto “promoção da articulação entre o campo e a cidade em dinâmicas locais e regionais de abastecimento agroecológico, conjugado com incidência política em soberania e segurança alimentar e nutricional. O projeto foi elaborado pelas seguintes entidades: Centro Vianei de Educação Popular (VIANEI),  Centro de Estudos e Promoção da Agricultura de Grupo (CEPAGRO),  Centro de Tecnologias Alternativas Populares (CETAP) e a Assessoria e Serviços a Projetos em Agricultura Alternativa (ASPTA) de Palmeira que se articulam na Rede Ecovida de Agroecologia através dos seus trabalhos nos núcleos regionais.
O objetivo geral deste projeto em rede é “promover e articular dinâmicas locais e regionais de produção, processamento e abastecimento agroecológico em organizações do campo e da cidade, orientadas em relações Solidárias e nos princípios da Soberania e Segurança Alimentar das populações”.
 
O contrato foi firmado com a Katholische Zentralstelle für Entwicklungshilfe e Centro Vianei de Educação Popular sob o número 233.950-1027 ZG por um período de 24 meses e prevê os seguintes objetivos específicos:
1 - Mapear e promover dinâmicas locais e regionais de abastecimento agroecológico;
2 - Promover a interação das diferentes estratégias locais e regionais de produção, processamento e abastecimento agroecológico; 
3 - Articular as estratégias de abastecimento agroecológico urbano em Rede, Fórum e CONSEAs;
4 - Sistematizaras experiências acumuladas em estratégias de abastecimento agroecológico e viabilizar a divulgação desse trabalho, como subsídio para debate, incidência política e planejamento estratégico.

As atividades que estão previstas nesse novo projeto com a Misereor são em quatro regiões do sul do Brasil (Florianópolis-SC, Serra Catarinense-SC, Planalto-RS e Contestado-PR). Todas as atividades dessa parceria entre Vianei, Cepagro, ASPTA e Cetap tem um viés para o tema do abastecimento com alimentos agroecológicos e o foco são os consumidores.